Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Condutoras de Domingo

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Condutoras de Domingo

20
Jan08

Condução Defensiva - Just Girls

condutoras de domingo
Há uns dias, um jornal partilhava com os leitores informações sobre o top nacional de vendas musicais. O grande destaque ia para o primeiro lugar das Just Girls. Eu, que desconfio de tops (excepto talvez de top models), fiquei intrigada com dois aspectos: primeiro, porque é que isto é notícia com interesse suficiente para ter acima de 200 caracteres?; segundo, quando diz Just Girls está a falar de quê?! Fui investigar e confirmei: as Just Girls são literalmente apenas umas miúdas; são só miúdas, onde não entram rapazes (salvo seja). E estas miúdas foram lançadas nos Morangos Com Açucar, ou seja, são as Dzrt femininas ou a versão cor-de-rosa dos Four Taste. E, assim como quem não quer a coisa, com a inocência de quem canta sem saber cantar e acha que Beatles é nome de carro giro para ter, o álbum das mocinhas chegou à tripla platina. Como não havia de chegar se, de acordo com a Associação Fonográfica, nos dez primeiros lugares do top, a seguir às “só miúdas”, temos o Avô Cantigas, o homem que, numa semana, galgou sete lugares! Qual Manoel de Oliveira, qual quê! O Avô Cantigas é que é; tem a mesma vitalidade há 25 anos! Mas não é tudo. Ao que parece, entre os primeiros, contam-se ainda Carlos Paião e os Irmãos Verdades. Ora bem, o Paião morreu ainda o Avô Cantigas não tinha bigode. É certo que, nos idos anos 80, surgiram uns rumores de que tinha sido enterrado vivo. E isso não será castigo suficiente?! Têm agora que, passado tanto tempo, enfiar o homem no top nacional?! Já com os Irmãos Verdades aconteceu-me o mesmo que com as Just Girls, uma coisa do género: «Quem?». São angolanos, dá-me ideia, e nas letras que escrevem distribuem amor por toda a gente. Mas o top prossegue. Segundo a notícia que li, por lá se mantêm também a Bebé Lilly, a Amália e os «Il Divo, com Dreams In Color». E eu a achar que este era o título do último álbum do David Fonseca. Que palermice a minha! Ora bem, quer-me parecer que o top nacional é mais a árvore genealógica de uma família portuguesa do que outra coisa: há o bebé, Lilly claro, e há as miúdas fofinhas a liderar a coisa como qualquer adolescente que se preze; há o Avô eterno e “embigodado”; o morto, Paião, que, qual Frei Luís de Sousa, ressuscita quando menos se espera; os irmãos africanos, que tocam o coração, relembrando o passado colonial da família. Há ainda, com Amália, a matriarca que faz sombra a todos; e, claro, uma ovelha negra, cujo nome é proibido dizer, o único talento da família que, por cantar em inglês, foi enganado pelos primos, uns mafiosos italianos que lhe roubaram as canções. Falo é, claro, de David Fonseca e dos Il Divo, a cereja que caiu do topo (e do top) desta bela, disfuncional e eclética família...

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

escreva-nos para

condutoras@programas.rdp.pt
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.

as condutoras

Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.

podcast

Ouça os programas aqui

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D