Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Condutoras de Domingo

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Condutoras de Domingo

20
Jan08

Destravados - Bjork

condutoras de domingo
Nos filmes de artes marciais, há sempre que ter cuidado com o asiático baixinho. É normalmente ele quem arreda mais porrada nos outros. É o pequeno ninja que destrói canelas que nunca mais serão as mesmas. O próprio Bruce Lee que não era propriamente alto. E o puto do “Karate Kid” tinha de se por em bicos de pés para passar a cera no seu mítico “wax on, wax off” que, no caso daquilo do karaté correr mal, podia sempre garantir-lhe emprego num qualquer Elefante Azul. E se calhar até mesmo no Elefante Branco, que isto há gostos para tudo. A nossa Destravada desta semana corresponde fisicamente a este tal estereótipo do asiático baixinho vil e lutador. Está bem que ela é islandesa, mas parece um pequeno chinoca imberbe, daqueles com um ar fofinho mas que quando se passam da marmita vale tudo, até dentadas. Falamos de Bjork. É certo que a cantora não chegou às dentadas, mas fez um velho clássico de quando uma mulher anda à porrada: rasgou roupas. Tudo porque um fotógrafo a estava a tentar fotografar quando a cantora chegou ao aeroporto da Nova Zelândia. E Bjork não foi de modos e deixou-o tão descapotável que parecia que ele tinha um vestido da Fátima Lopes. A estilista, não a dos iogurtes.
Apesar de estarmos aqui a analisar o nível de destravadice de Bjork, temos de reconhecer que quem tem mais culpas neste cartório é o próprio fotógrafo. Quem é que o manda ir meter-se com alguém que apareceu numa cerimónia dos Óscares com um vestido em forma de cisne? Não lhe pareceu dica que chegasse de que ela não é lá muito boa da cabeça? O fotógrafo que reze para que a greve dos argumentistas impeça mesmo que a entrega dos prémios do cinema se volte a realizar este ano, não vá Bjork passar-se da marmita e resolver usá-lo a ele para fazer uma toilette digna de passadeira vermelha, com uma encharpe feita com o esófago do senhor, ou assim. Também devemos ter em conta, em defesa de Bjork, que os aeroportos conseguem ser lugares stressantes. E se ela tiver vindo num avião cheio de portugueses que batem palmas quando o avião aterra já devia era de vir enervada. Chegada a altura de lhe ver os níveis de Destravadice no sangue, temos muita pena mas damos-lhe apenas um 0,5. Primeiro, porque os paparazzi conseguem irritar uma pessoa. E depois porque não a queremos com carta apreendida. É que sempre é melhor que ela viaje de carro em vez de avião.


Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

escreva-nos para

condutoras@programas.rdp.pt
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.

as condutoras

Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.

podcast

Ouça os programas aqui

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D