Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Condutoras de Domingo

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Condutoras de Domingo

27
Abr08

O Que é Nacional é Bonzinho - Ana Jorge

condutoras de domingo

Nos outros países há ministros que se demitem – e até alguns que se suicidam – por causa de escândalos sexuais ou de corrupção. Cá, isso é apenas um requisito para governar. Os escândalos que realmente agitam a opinião pública são os rurais. Sim, os que metem casas de campo, ou um lote no parque de campismo que seja! Ana Jorge, ministra da saúde, depois de ter sido apanhada em falta pelo 24 Horas, por não ter declarado a Casa de Campo ao Tribunal Constitucional, apressou-se a limpar o seu cadastro. E como? Mostrando a própria da casa ao próprio do 24Horas. Abre-se aqui um precedente muito giro. Se toda a gente vier para o jornal mostrar os alvos das notícias e boatos, vamos passar a ter edições especiais “Diana Chaves” ou “Isabel Figueira” com uma fotografia legendada de cada suposto namorado. Mas a Ministra da Saúde achou boa ideia. Compreende-se, vindo da pessoa que aceitou substituir Correia de Campos. Atitude que se entende ainda melhor depois de ler esta reportagem. A senhora passou toda a vida numa horta na Lourinhã! E a fazer coisas fascinantes. A ministra confessa “conheço as árvores quase todas e gosto imenso de apanhar couves, ervilhas e favas”. E fá-lo enquanto alimenta três ruidosos gansos com folhas de couve um pouco mais atacadas pelas minhocas. Que imagem de extrema beleza! Talvez por se sentir no seu habitat natural, envergando um sexy chapéu impermeável, Ana Jorge vai por aí fora e não deixa nada por dizer: “o empreiteiro chamou-me louca”, diz ela. Se calhar há coisas que preferíamos não saber. Até porque mais À frente diz: “faço qualquer tipo de pão, dá-me imenso gozo e é uma festa sempre que acendo o forno”. Nós sabemos que os políticos gostam de mostrar este lado pessoal mas também não exageremos! Até porque saber que Ana Jorge faz bons cacetes de lenha ou fala tão intimamente com arvoredo como a Floribela, não nos faz confiar mais no sistema de saúde português. E a insegurança aumenta quando ouvimos a Ministra dizer que desenhou a casa toda mas se esqueceu que tinha 3 filhos e não 2. Como é que não há de se esquecer da falta de médicos, se eles nem lhe são nada!? Mas lá por estar de galochas, não quer dizer que Ana Jorge não fale de coisas sérias. Graves mesmo. A casa-de-banho dá para um pátio que se vê de fora. Todos lhe perguntam como podem usá-la sem serem vistos. A Ministra puxa dos galões e diz que o assunto se resolve com estores ou cortinas. Bem, assim sim! Uma pessoa com esta desenvoltura é alguém a quem eu confio o meu fígado, se for preciso, na próxima ida às urgências. Quanto mais não seja porque fará dele umas belas iscas, com salsa lá do quintal.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

escreva-nos para

condutoras@programas.rdp.pt
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.

as condutoras

Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.

podcast

Ouça os programas aqui

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D