Comentários:
De Ricardo Gomes a 6 de Abril de 2008 às 14:18
A propósito do caso da fita-cola:

«notícia do Público online e comentário de um leitor:
02.04.2008 - 15h45 - Miguel, Celorico de Basto
Isto está a chegar a um ponto onde até a palavra ridículo já nem assenta bem. Sei o que se passou na escola de Guimarães e até foi uma mãe no próprio dia em que isto foi noticiado numa rádio local desmentir e contar a imprensa o que lhe tinha contado o próprio filho. O filho que estava na aula quando se passou esse episódio disse que estava a turma toda a colar folhas rasgadas que tinham, e a professora estava ajuda-los, no entanto estavam a fazer barulho quando a professora começou a mandar calar, ao que não se calaram. Depois então disse a um dos alunos que lhe poria fita cola na boca se não se calasse e este imediatamente lhe disse. “ponha professora, ponha” ela pôs e foi a rizada total na turma até que mais dois alunos também lhe pediram o mesmo, mas ela acabou com a BRINCADEIRA e tirou logo a fita da boca do miúdo. Isto é o q?? agressão?? (atenção que isto foi contado por um aluno). Isto é um energúmeno de um pai que por algum motivo resolveu que queria ser manchete.. e já agora, sabem quem é esse pai?? O BRUXO DE FAFE. Sem comentários. Já que estamos na onda de queimar professores, bora lá queimar mais um. Haja vergonha neste país. A começar pela comunicação social.»


Comentar post