Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Condutoras de Domingo

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Condutoras de Domingo

30
Mar08

De Encontro ao Pára-Brisas - Multas

condutoras de domingo
Todos nós aspiramos à riqueza. Seja preenchendo religiosamente o boletim do Euromilhões e rogando pragas à nossa mãe por não termos nascido no dia que nos faria ter eleito determinado número certeiro como o “da sorte”; seja tentando ter um emprego que nos garanta dinheiro a rodos na conta bancária com direito àqueles cartões de crédito dourados e tudo. E há profissões que associamos à riqueza. Algumas são mais difíceis de atingir – como ser rei de um país cheio de petróleo ou dono de um império de hipermercados ou criador de unicórnios. Mas outras parecem-nos quase possíveis. Como ser advogado, por exemplo. Ser advogado só pode dar dinheiro a rodos. Caso contrário, porque raio é que nove em cada dez pais querem que os filhos vão para Direito? Por isso, foi com alguma consternação que vimos esta semana um mito cair por terra. Afinal, ser advogado não é a vida de fotografias na Caras ao lado de tapeçarias com faisões que vemos por aí. Aliás, um advogado pode ganhar ainda menos do que o miúdo com acne e caspa que frita batatas no McDonalds´s e mete bonecos do Shrek no Happy Meal. Um grupo de trinta e dois advogados vai trabalhar na Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária para tentar evitar a prescrição de multas de trânsito. E o que é que cada advogado resolve por resolver estes casos? A estonteante quantia de um euro e sessenta e sete cêntimos por multa. Ora um euro e sessenta e sete cêntimos vale menos do que aqueles 25 paus que nos davam para comprar rebuçados quando éramos miúdas. Dá para uma bica e um 24 Horas e pouco mais. Para poderem comer um mísero mini-prato ao almoço, têm de resolver pelo menos três multas – e isto se não tiverem aspirações a coroar esse mini-prato com um pudim flan como sobremesa. É de uma pobreza franciscana que até mete dó. De tal maneira que as Condutoras deixam o apelo: por favor, automobilistas deste país, causem mais multas de trânsito. Se todos contribuirmos, estes advogados vão ter uma vida mais feliz.
 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

escreva-nos para

condutoras@programas.rdp.pt
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.

as condutoras

Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.

podcast

Ouça os programas aqui

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D