Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Condutoras de Domingo

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Condutoras de Domingo

23
Mar08

O que é Nacional é Bonzinho - Famous Last Photo

condutoras de domingo
Até agora, quando chegava a nossa hora de descer à cova e ascender ao reino dos anjinhos, a única coisa com que tínhamos de nos preocupar era em ter um bom par de sapatos para levar na urna e, conseguir balbuciar uma frase engenhosa e orelhuda que servisse de bom epitáfio. E mesmo assim, a pressão das “Famous Last Words” só existia para artistas, filósofos, cientistas loucos e, gente que em geral consegue sempre dizer coisas mais criativas do que “Merda, uma árvore!”, “Olha, um leão tão fofinho” ou “Maria, puseste veneno no comer?” Hoje em dia, temos de pensar em tudo. Até nas fotografias. E não estou só a falar das fotos tipo passe que habitualmente vão parar ao obituário dos jornais ou àquela rodelinha cor-de-rosa pespegada na mármore dos túmulos. Não. Estou a falar de algo mais inquietante: as fotos que vão parar aos jornais. Os recentes casos de violência em Lisboa, vieram apenas evidenciar este flagelo dos tempos modernos: como se não bastasse uma pessoa morrer de forma inglória às mãos de um criminoso, ainda tem de passar pelo embaraço de ser recordado para todo o sempre nas poses mais hediondas e parvas. O que também vem provar que não se pode confiar na nossa família, nem sequer para escolher um retrato decente para dar aos jornais. Se não nos pomos a pau, podemos acabar de pescoço à banda e cara torcida em tudo o que é jornal e revista, numa pose mais assustadora e demente do que os olhos esbugalhados da pequena Maddie. Ou, numa varanda qualquer, ou, num deprimente banquinho de montanha russa. Ou, em situações que ficam muito bem numa sessão de slides lá em casa, mas que tiram toda a dignidade a um pobre defunto. Pelo sim, pelo não, e até porque a criminalidade não pára de aumentar, aconselho vivamente que o estimado ouvinte marque desde já uma sessão com um fotógrafo profissional. Tire várias fotos em poses descontraídas, de preferência no seu melhor ângulo, e distribua-as pelos seus amigos, ou envia-as para a imprensa num envelope fechado, a dizer: “abrir só em caso de morte violenta”. Se não o fizer, lembre-se: da próxima vez que for ao Mosteiro de Alcobaça e pedir a um amigo para lhe tirar uma foto em frente ao autocarro da excursão, com uma chouriça na mão e um primo parvo atrás a fazer corninhos... essa pode bem ser a sua famous last photo.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

escreva-nos para

condutoras@programas.rdp.pt
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.

as condutoras

Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.

podcast

Ouça os programas aqui

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D