Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Condutoras de Domingo

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Elas em contramão, sempre a abrir, pelos acontecimentos da semana.

Condutoras de Domingo

23
Mar08

Está a Falar de Quê? - Euro Talk

condutoras de domingo
A Páscoa é uma óptima altura para viajar. Mas para ir para fora – ou até mesmo para o Algarve – é preciso dominar línguas estrangeiras. O que já não é problema. O DN resolveu brindar-nos com a colecção Euro Talk. Antes de avançar, fica a nota: o casal que aparece na capa dos livros de japonês pode ser bem sorridente mas é… filipino. A nossa amiga Maria João Cruz ao constatar este facto ficou de tal forma perturbada que está prestes a organizar uma Marcha pela Indignação, com cartazes a maldizer esta “Euro Talk”. Mas eu acho que até é uma colecção bem útil. A começar nos livrinhos de SOS que nos ensinam expressões muito úteis em qualquer língua. Como: “meio dia e vinte e cinco”, que só se pode usar num momento muito específico do dia ou “pode nadar-se aqui?” – coisa que provavelmente vai querer perguntar na sua próxima viagem à Rússia. Há também palavras imprescindíveis, como cassete, coisa muito em voga (sobretudo no Japão), bochecha, ameixa – sempre uma boa referência, mesmo nos países em que não se come, e ursinho. Esta é capaz de ser a que mais me fascina. Porque acho que ursinho é coisa para ser útil em qualquer conversa entre turistas e nativos. Se nos perguntarem como é o clima português, dizemos ursinho. Se nos falarem no Figo e no Ronaldo, ursinho. Se nos perguntarem as horas, ursinho. É útil, a sério! O livro de mandarim ensina a dizer “não percebo” e “fale mais devagar por favor”. A questão é: se só decorámos frases soltas do livro, não é por falarem mais devagar connosco que vamos perceber. Até podem soletrar, ficamos na mesma! Eu acho que o propósito destes livros não é dar ensinamentos mas sim felicidade. Sim, continuamos ignorantes, mas mais felizes. Ensinam-nos uma óptima forma de meter conversa, em qualquer parte do mundo. Perguntar sobre os últimos backups que a pessoa fez. Não há melhor para quebrar o gelo. É isso e falar da capacidade de armazenamento dos CDs. Dá pano para mangas. Gosto sobretudo do conceito de aprender Business Talk numa língua que não conhecemos. Isto pode levar os mais inconscientes a lançar OPAS sobre empresas gregas, ou a negociar petróleo com sheiks árabes. É que uma pessoa decora estes diálogos e depois vai por aí fora. Por exemplo: “O que acha do valor da taxa sobre o uso da patente?” Vou treinar esta frase intensamente para usar nas próximas férias no Qatar.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

escreva-nos para

condutoras@programas.rdp.pt
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.

as condutoras

Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.

podcast

Ouça os programas aqui

Arquivo

  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2007
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D