as condutoras
Condutoras de Domingo é um programa da Antena 3. Um percurso semanal (e satírico) pelos principais assuntos da actualidade e pelo país contemporâneo.
Todos os domingos na Antena 3, entre as 11:00h e as 13:00h. Um programa de Raquel Bulha e Maria João Cruz, com Inês Fonseca Santos, Carla Lima e Joana Marques.
escreva-nos para
condutoras@programas.rdp.pt
podcast
Ouça os programas aqui
percursos recentes

Condutoras de Domingo

Ricardo Aibéo

No Auto-Rádio a 29 de Jun...

Sinais de Luzes - 29 de J...

Deviam Fazer Anos

Estação de Serviço - Pisc...

Heelarious

Choque Frontal - Vale e A...

Horóscopo - Gordos

Está a Falar de Quê? - Ma...

Tão Mau Que é Bom - Luís ...

De Encontro ao Pára-Brisa...

Touros

O Que é Nacional é Bonzin...

viagens antigas

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Domingo, 15 de Junho de 2008
Sinais de Luzes - 15 de Junho

Mínimos

Para a Bíblia. Um estudo recente veio demonstrar que ela é lida por cada vez menos católicos praticantes. E isto é um sintoma que nos deve preocupar. É praticamente o mesmo que as profissionais da estética deixarem de ler a TV Mais, que os intelectuais deixarem de ler Philip Roth ou que as Condutoras de Domingo abandonarem a leitura diária do 24 Horas. É grave. Mas os números deste estudo deixam adivinhar novos usos para a Bíblia. É que 88% afirmou ter o Livro Sagrado em casa, mas a grande maioria não o lê. Portanto se não é para ler, a Bíblia há-de ter outras utilizações. Deve haver quem prefira o Novo Testamento como base para copos, e quem utilize o Antigo Testamento como bibelot. Fica muito bem como centro de mesa, por exemplo, e é sempre bom para impressionar as visitas, recitar uns versículos entre a sopa e o prato principal. Nós estivemos a pensar e achamos que este é sobretudo um problema de marketing. A Bíblia tem de surgir com uma nova capa, mais apelativa, para competir com os tons verde alface que invadem os escaparates. O título também podia ter algumas mexidas. É o mesmo há demasiado tempo. Coisas como A Bíblia Mais Atrevida ou o Novíssimo Testamento eram capazes de resultar. Devia haver também resumos Europa-América da Bíblia, só com os momentos mais importantes. Porque as pessoas têm vidas ocupadas e não é fácil tirar uma tarde para ler o Evangelho segundo São Mateus. Outra hipótese são os audiolivros. Assim, em vez de ouvirmos as informações de trânsito, podemos ir no carro a ouvir a Palavra do Senhor, que é sempre mais elucidativa, mesmo quando não oferece alternativas à 2ª Circular.

 

Médios

Para o bebé que nasceu esta semana em Vila Nova da Barquinha, e veio alterar o equilíbrio de forças do único concelho do país que tinha um empate numérico entre os dois sexos. Havia 4061 homens e 4061 mulheres. Todos viviam em harmonia. Agora que há 4062 homens está tudo estragado. Não é por acaso que esta criança, nascida no Centro Hospitalar do Médio Tejo, é mantida no anonimato. É que já todos percebemos que vai ter uma vida muito difícil. Nasceu já no papel de desmancha-prazeres, e ninguém gosta disso. Vila Nova da Barquinha, que tinha um lugar de destaque no Instituto Nacional de Estatística, deixou de ter. Os meninos na escola, que tinham uma proporção saudável de rapazes e raparigas, vão deixar de ter. Até à data, havia namoradas para todos. Agora, com um número impar, a rivalidade vai crescer, o fosso entre bonitos e feios vai ser cada vez maior, a competição desenfreada vai invadir o Jardim de Infância de Vila Nova da Barquinha. Já imaginamos um cenário de destruição, com peças de Lego a voar e as esponjas do picotado a servirem de armas de arremesso, tudo por causa desta criança, que veio acabar com a paz. E é escusado ter ilusões, vai ser assim para o resto da vida. Vai ser ele a dançar com a vassoura nas festas de garagem, vai ter de ir sempre à baliza, vai ser ele a apanhar o bouquet nos casamentos, porque não vai sobrar nem uma rapariga para saltar em busca do ramo… Enfim, se acreditarmos que todos temos uma missão na vida, este rapaz já cumpriu a sua: desempatar. Resta-lhe desenvolver esta aptidão natural e tentar uma carreira de árbitro ou juiz. Deixamos apenas um conselho: não entre em tribunais com a mania que vai despachar processos em menos de 82 sessões, nem em estádios convencido de que vai ser imparcial. Já chega de quebrar equilíbrios ancestrais!

 

Máximos

Para os portugueses. São repetentes aqui nos Sinais de Luzes mas não podia ser doutra maneira. E hoje nem falamos da quantidade (preocupante) de portugueses que vestem os cães com trajes da selecção nacional. Falamos doutra imensa maioria, que nos faz ter a certeza que há lugar para uma Guerra Civil em Portugal. Sim, é possível sonhar com isso. O nosso povo demonstra um talento impar para a pilhagem, para o saque, para o “salve-se quem puder.” Aos primeiros alertas de falta de alface ou de costeletas de porco nos supermercados foi ver famílias inteiras, numa corrida desenfreada, fazendo dos carros de compras autênticos carrinhos de choque. Como se as suas vidas dependessem da salada mista, como se não pudessem sobreviver a um domingo sem churrasco no quintal. Mas não são só os supermercados que estão convertidos em teatro de guerra. Nos últimos dias houve mais trânsito para as bombas de gasolina do que para as praias portuguesas. E o pior é que as pessoas lutam com mais afinco por 10 litros de Sem Chumbo 95 do que por um lugar ao sol para montar o pára-vento. Como homem prevenido vale por dois, foi ver os portugueses atestar o depósito do carro, atestar o depósito da mota, atestar o depósito do triciclo das crianças, atestar garrafões, atestar caixas de cartão, atestar malas de senhora, atestar para os próximos dez anos, não vá faltar… No meio disto, já toda a gente se esqueceu dos malfeitores das gasolineiras. Nunca ninguém passou de besta a bestial tão depressa. Já pouco importa que a gasolina custe 5€ por litro, as pessoas sentem-se capazes de abraçar um gestor da Galp ou da BP, e de se desfazerem em lágrimas, agradecendo essa dádiva tão preciosa que é o combustível.

 

 



publicado por condutoras de domingo às 13:00
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

pesquisar neste blog
 
links
subscrever feeds
tags

todas as tags

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
29
30
31


blogs SAPO